• Débora Vitti

TIPOS DE GRAMA: Qual a Ideal Para Seu Ambiente!

Atualizado: 1 de Out de 2019


Fonte: My Kukun

Existe uma grande variedade de gramíneas que podem compor o paisagismo e, escolher a adequada para seu ambiente e sua rotina, é fundamental para o aspecto visual e tátil. Para definir a grama mais apropriada para sua casa, entre outras características, é necessário conhecer as disponíveis no mercado, a escala da folha, seu adensamento, as necessidades nutricionais, a resistência e a exigência solar, e associar essas informações com as características locais, com o uso que terá e com as exigências de poda e rega.

Fonte: Traditional Home

1. Grama Batatais: Paspalum notatum

Essa é aquela espécie que encontramos em pastos, com folhas aveludadas e inflorescências. Resistente à pisoteio e de rápido crescimento, ela é indicada para extensas áreas que não exigem valor ornamental, em solos pobres e para contensão de taludes e encostas. Deve ser plantada em locais de sol pleno, necessita de rega constante e é suscetível a ervas daninhas.

Fonte: Flora Of Zimbabwe

Fonte: Vendita Piante Online

2. Grama São Carlos: Axonopus compressus

Característica de gramado denso e baixo, essa espécie possui folhas mais largas e sem pelos, com coloração verde escuro. Com grande resistência a pisoteio e pragas, não necessita de muita manutenção, mas exige solo bem irrigado. É indicada para lugares com sol pleno, mas também é possível usá-la em meia sombra, sendo ótima em residências, comércios e espaços públicos.

Fonte: Dinda Plantas.

Fonte: Minas Gramados

3. Grama Esmeralda: Zoysia japônica

Espécie mais usada atualmente por ser resistente a pragas, ao clima e a leve pisoteio. Seu nome popular é proveniente de sua coloração semelhante à esmeralda, suas folhas são finas e pontiagudas e forma um gramado denso e uniforme, confortável para o tato. Indicada para uso ornamental pela sua beleza, cor e fácil manutenção, exige sol pleno e é muito usada para combater erosão.

Fonte: Jardinitis

Fonte: Umnie Semena

4. Grama Santo Agostinho: Stenofaphrum secundatum

Com folhas lisas, arredondadas, sem pelos e em tom azulado, essa grama é usada em jardins ornamentais e indicada para locais litorâneos, por ser resistente à solos salinos e pobres. É indicada para sol pleno e locais sem pisoteio, apesar de suportar as duas situações adversas.

Fonte: Lucid Key

Fonte: Central da Grama

5. Grama Bermuda: Cynodon dactylon

Indicada para campos esportivos e áreas de recreação, é resistente a pragas e se recupera rapidamente de intenso pisoteio. Suas folhas são finas, macias e com coloração verde. Por ter crescimento acelerado, exige podas mais constantes.

Fonte: Loja Sementes Caiçara

Fonte: Itograss

6. Grama Coreana / Japonesa: Zoysia tenuifolia

Com folhagem fina e curta, essa grama forma um tapete macio e denso muito ornamental, muito indicada em jardins orientais. Apesar de não tolerar muito pisoteio, é usada em campos de golfe, em sol pleno e com solo rico e irrigado, sofrendo um pouco nas estações mais frias do ano. Seu crescimento é razoavelmente lento, mas por seu sistema radicular ser exposto quando é podado, é recomendado poda frequente; caso contrário, forma lindas touceiras.

Fonte: Depositphotos

Fonte: Florez Nursery

7. Grama Azul: Festuca glauca

Uma gramínea com alto valor ornamental, suas folhas são finas e alongadas, de pequeno porte e com tom azulado. É usada em aglomerações em destaques no jardim ou isoladas em locais estratégicos, podendo até ser plantada em vasos. Muito delicada, não tolera pisoteio e necessita de solo rico em matéria orgânica e drenável. Pode ser usada em sol pleno e meia sombra, com necessidade de manutenção para replantio no fim do ciclo de vida, mantendo a exuberância do maciço.

Fonte: Pinterest

Fonte: Mercado Livre

8. Grama Preta: Ophiopogon japonicus

Apesar de não ser uma gramínea, é muito conhecida por seu nome popular e é bastante ornamental, com folhas lineares, finas e longas e cor verde bem escura. Pode chegar até 40cm, usada como forração, bordaduras e em composição com outros elementos do jardim. Grama para sombra, tolerando um pouco a incidência solar direta, e não usada para locais em que haja fluxo de pessoas, pois é sensível ao pisoteio. Suporta o frio e solos bem encharcados, e pode ser encontrada em variedade anã.

Fonte: Mercado Livre

Fonte: Construindo Decor

9. Grama Amendoim: Arachis repens

Muito usada no paisagismo, essa forração possui folhas ovais com 2 pares de folíolos e florzinhas amarelas, muito ornamental. Sua praticidade, baixa manutenção, crescimento rápido e adensamento ajudou sua popularidade, sendo usada em local de sol pleno ou meia sombra e exigindo rega constante, apesar de tolerar secas. É necessário tomar cuidado em áreas movimentadas, já que é sensível ao pisoteio. Além do valor ornamental, é muito usada em declives e taludes por recuperar o solo e diminuir a enxurrada, evitando deslizamentos e também como alimento para o gado. Uma consideração para esse tipo de forração é que ela acaba sendo a casa de aranhas e escorpiões que ficam escondidos embaixo de suas folhas, sendo recomendado manutenção periódica.

Fonte: Minas Gramados

Fonte: Casa e Construção

O gramado é indispensável nos jardins, já que ele faz a integração do mesmo. Um bom desenvolvimento da grama é fundamental, pois em muitos casos ela representa a maior parte do paisagismo com grande área visível.

Fonte: Desde My Ventana

Além disso, escolher a grama ideal para sua casa é primordial, já que ela compõe os elementos, delimita o jardim e cria uma sensação visual aconchegante e bucólica. Outro fator importante, é a relação com a natureza, onde suas características físicas promovem relações táteis que conectam as pessoas com a terra e equilibram as energias e cargas do corpo.

Fonte: TWS Garden

Agora que você já viu as possibilidades de gramados, o uso ideal de cada uma e qual grama para sua casa, é muito importante considerar que a rega, adubação e manutenção constantes é o que vai deixar a sua grama mais bonita que a do vizinho.

Um bom preparo do solo, com terra vegetal e composto químico e orgânico para receber o tapete de grama é fundamental para auxiliar que a mesma consiga se fixar nesse local e se desenvolver bem. Contudo, não adianta nutrir ela uma vez e esquecer de dar alimento para sua planta, é necessário irrigação regular e adubação periódica.

É muito indicado para grandes gramados e áreas de difícil acesso ou locais em que não haja visita constante de jardineiro, um sistema de irrigação por aspersão. Dessa forma, é possível regar regularmente, sem desperdícios e em pouco tempo, já que o sistema é automatizado. Isso vai possibilitar que seu gramado seja mais verde, denso e bonito.

Fonte: John Deere

Além disso, a poda regular é necessária. Um gramado ideal é aquele com 4cm de altura, o equivalente a uma poda a cada 15 dias. Isso vai permitir que a gramínea consiga coletar mais água, evita pragas e insetos, mantem a cor e o vigor do gramado e o torna mais usual. O mesmo vale para o arejamento do solo, possibilitando que as raízes consigam coletar mais nutrientes e se manterem firmes e capazes de gerar novos brotos.

Uma outra consideração para manter seu gramado esbelto o ano todo, é realizar poda e manutenção no verão, para criar resistência no inverno, sobrevivendo as baixas temperaturas.

A THACO. PAISAGISMO quer realizar seu sonho de ter o jardim ideal. Acreditamos que a harmonia com os elementos naturais e a renovação do ar e das energias é essencial para a rotina e promove o bem-estar da família. Para conhecer mais sobre nossa metodologia, valores e projetos, entre em contato.

Débora Vitti é Arquiteta Paisagista da THACO. PAISAGISMO e se você quer entrar em contato com ela, solicitar um orçamento, tirar dúvidas e saber mais sobre nossos serviços, clique aqui!

#paisagismo #paisagismoempresarial #paisagismoempresarial #paisagismocomercial #comercial #comercio #residencial #empresa #grama #tiposdegrama #tipodegrama #gramado #gramíneas #gramasãoagostinho #gramabatatais #gramasãocarlos #gramaperta #gramaamendoim #gramaazul #diferentesgramas #gramaparasuacasa

73 visualizações
  • Facebook THACO.
  • Instagram da THACO.
  • Pinterest THACO.
  • THACO. no youtube
Escritório de arquitetura THACO.

© 2018 by THACO. Marketing